SiteJornalOlhodeAguia
Noticias
20/11/2018 12:27
Processo seletivo de projetos artísticos para 2019.

  

 

Podem participar artistas do Brasil e do exterior e instituições públicas ou privadas sem fins lucrativos.

Acesse: Processo seletivo de projetos artísticos para 2019.

Já está aberto o processo seletivo de projetos de exposições temporárias artísticas e/ou históricas para a Agenda Cultural da Câmara dos Deputados de 2019. As inscrições podem ser feitas de 1º de agosto a 30 de novembro de 2018. Podem participar artistas do Brasil e do exterior e instituições públicas ou privadas sem fins lucrativos.

O edital contempla a seleção de projetos nas áreas de pintura, fotografia, escultura, gravura, desenho e obras em papel, entre outros. As produções institucionais históricas também poderão participar, desde que sejam patrocinadas por órgãos e entidades estatais ou por organizações sem fins lucrativos.

A Câmara oferece os espaços expositivos, plantas baixas com as respectivas medidas, montagem, desmontagem e expografia. Também elabora, imprime e distribui material gráfico, além de divulgar as mostras na mídia interna e externa.

Os projetos apresentados serão analisados pela Comissão Curadora do Centro Cultural Câmara dos Deputados e os selecionados entrarão na Agenda Cultural da Casa em 2019. Serão aceitas inscrições por e-mail ou via postal.

Confira os espaços da Casa destinados às exposições.

Endereço: Palácio do Congresso Nacional Câmara dos Deputados – Anexo 1, sala 1602, Praça dos Três Poderes – Brasília-DF. CEP 70160–900.

E-mail: 

Telefone: (61) 3215-8091


Edital 2018/2019 (arquivo em word) 

Edital 2018/2019 (arquivo em pdf)

Link:
0 Comentários | Escrever comentário

 

Rua Augusta - Emicida


Joe Satriani - Always with me, always with you


Jeff Beck - A Day in A Life


 

 

 

Thalyta Ribeiro de Oliveira Incrível seus projetos, tanto de fotografia, quanto com a galeria e as produções audiovisuais. Apenas continue!!
Contador de Visitas
Hoje: 531
Desde 15/05/2011: 5.708.748
você é a favor do impeachment de Bolsonaro? Vote.
n
sim