SiteJornalOlhodeAguia
Not?cias
23/11/2017 10:37
The short documentary Triumph of the Shill reimagines the Leni Riefenstahl 1935 Nazi propaganda classic as an aesthetic blueprint to consider the 2017 presidential inauguration and election of Donald J. Trump. Running time: 10.22 minute

 The short documentary Triumph of the Shill reimagines the Leni Riefenstahl 1935 Nazi propaganda classic as an aesthetic blueprint to consider the 2017 presidential inauguration and election of Donald J. Trump.   Running time:  10.22 minutes.   
Credits:

Producer, director, writer, editor: Nina Berman

Camera: Nina Berman, Giovanna Chesler, Nasreen Alkhateeb

Sound Design: Nina Berman

Sound recordings: JR Osborn, Jennifer Quintana, Nasreen ALkhateeb, Nina Berman, Giovanna Chesler

Assistant Sound Editor: Elyse Blennerhassett

Production Assistants: Rebekah Mejorado, Andrew Jorgenson

Post Production Assistant: Thor Neureiter



Trailer:  https://vimeo.com/230103053


Screenings:


Ft. Lauderdale International Film Festival
Cinema Paradiso Hollywood
November 4 - 3:15 pm  
November 13 - 3:30 pm

Portland Film Festival
November 4 at 4:45 pm
Shorts program

New Filmmakers,  NY
Anthology Film Archives 
November 2, 2017

Photoville,  Brooklyn,  NY
September 13 - 24, 2017

Mirbach Plaza,   Bratislava, Slovakia  
June 29 - September 17, 2017.

 

Nenhum texto alternativo automático disponível.Nina Berman

Nina Berman (EUA) é um fotógrafo documental com um interesse primordial na paisagem política e social americana. Ela é autora de duas monografias aclamadas Purple Hearts - Back from Iraq , retratos e entrevistas com veteranos feridos e Homeland, que explora a militarização da vida americana após 11 de setembro. Seu trabalho foi reconhecido com prêmios em arte e jornalismo pela Fundação Nova York para as Artes, a World Press Photo Foundation, o Open Society Institute Documentary Fund, Fotos do Ano Internacional , e Hasselblad entre outros. Ela exibiu ainda trabalhos fotográficos e de vídeo em mais de 100 locais, incluindo o Brooklyn Museum e o Whitney Museum of American Art, e em 2016 foi destinatária do Aftermath Project Grant.

Ela começou sua carreira fotográfica em 1988 como um fotógrafo independente trabalhando em tarefas para as principais revistas do mundo, incluindo Time, Newsweek, Life e New York Times Magazine. Ela cobriu uma série de questões, de mulheres sob cerco durante a guerra na Bósnia e no Afeganistão, a questões domésticas de justiça criminal, direitos reprodutivos e processo político.

Em 2003, iniciou um projeto plurianual fotografando e entrevistando veteranos feridos da Guerra do Iraque. A série "Purple Hearts" foi publicada em doze países e transformou-se em um longa documentário. Em 2006, trabalhando em uma associação da Open Society Foundation, ela viajou com um veterano de guerra do Iraque para trazer Purple Hearts para escolas secundárias, campus universitários e centros comunitários. Em 2010, sua série Marine Wedding, documentando o regresso a casa de um fuzileiro dos EUA gravemente ferido, foi exibida na íntegra no Whitney Museum of American Art Biennial. Ela é professora associada da Escola de Pós-Graduação em Jornalismo da Columbia University, onde dirige o programa de fotografia. Ela mora em sua cidade natal da cidade de Nova York.

Link:
0 Comentários | Escrever comentário

 

Rua Augusta - Emicida


Joe Satriani - Always with me, always with you


Jeff Beck - A Day in A Life


 

 

 

Thalyta Ribeiro de Oliveira Incrível seus projetos, tanto de fotografia, quanto com a galeria e as produções audiovisuais. Apenas continue!!
Contador de Visitas
Hoje: 582
Desde 15/05/2011: 5.710.458
você é a favor do impeachment de Bolsonaro? Vote.
n
sim