SiteJornalOlhodeAguia
Not?cias
29/05/2014 10:54
? HOJE!!! TEM POESIA, TEM SIM SENHOR!!! lan?amento do livro "Artesanato de perguntas", de Carla Andrade e Escritores do DF lan?am colet?neas com livros de poesia, conto e cr?nica.A partir das 20h. Galeria Olho de ?guia .Tagu? Norte.

 Escritores do DF lançam coletâneas com livros de poesia, conto e crônica em Taguatinga

Poeta que escreve conto. Contista que escreve crônica. E vice-versa. E por aí vai. A coleção "Poesia Crônica: Poesia, Contos e Crônica", que será lançada na próxima quinta-feira, dia 29 de maio, a partir das 20h, na Galeria Olho de Águia, em Taguatinga Norte, reúne mais de 30 escritores do Distrito Federal em três obras, sendo uma de cada gênero: poesia, conto e crônica. A maioria dos textos é inédita e muitos foram escritos por autores que transitaram com maestria entre os três estilos literários.

Os escritores Carlos Augusto Cacá, Carla Andrade, Done Pitalurgh, Menezes y Morais, entre outros, passeiam com versatilidade entre os gêneros poesia e conto. Já na crônica, os escritores Roberto Klotz, Olivia Maia, Nena Medeiros e Sandra Fayad são alguns dos publicados. Os poetas Nicolas Behr, Vicente Sá, Jorge Amâncio, Hilan Bensusan e Basilina Pereira marcam presença na coleção de poesia.

 

Parte da publicação dos livros será distribuída a diversas instituições, como bibliotecas públicas, escolas, asilos etc.

 

Projeto Poesia Crônica

 

As publicações fazem parte do Projeto Poesia Crônica, que além de propiciar a difusão de obras de autores do Distrito Federal, levou os poetas a comunidades com algum tipo de dificuldade: falta de acesso à educação, acessibilidade comprometida devido à idade, deficiência física, visual e auditiva, além de alunos do ensino especial.

 

Durante 12 encontros de cada gênero, o público foi convidado a ouvir poemas, contos e crônicas e, depois, escrever seus próprios textos, que serão publicados, em breve, em uma revista. Histórias, sensações, viagens, imagens, reflexões e cores foram divididas entre os participantes comprovando o poder integrador e restaurador da literatura.

 

O projeto Poesia Crônica recebeu recursos do Fundo da Apoio à Cultura (FAC), da Secretaria de Estado da Cultura do Distrito Federal.Projeto Poesia Crônica

As publicações fazem parte do Projeto Poesia Crônica, que além de propiciar a difusão de obras de autores do Distrito Federal, levou os poetas a comunidades com algum tipo de dificuldade: falta de acesso à educação, acessibilidade comprometida devido à idade, deficiência física, visual e auditiva, além de pessoas em tratamento clínico-psiquiátrico.

Durante 12 encontros de cada gênero, o público foi convidado a ouvir poemas, contos e crônicas e, depois, escrever seus próprios textos, que serão publicados, em breve, em uma revista. Histórias, sensações, viagens, imagens, reflexões e cores foram divididas entre os participantes comprovando o poder integrador e restaurador da literatura.

O projeto Poesia Crônica recebeu recursos do Fundo da Arte e da Cultura (FAC), da Secretaria de Estado da Cultura do Distrito Federal.

 Lançamento do livro Artesanato de perguntas de Carla Andrade (Galeria Olho de Águia )Exibindo CapaArtesanatoPerguntas.jpg

A poeta e jornalista Carla Andrade, em sua jornada de fazer versos, lança – no dia 29 de maio, a partir das 20h, na Galeria Olho de Águia, em Taguatinga – o livro Artesanato de perguntas, obra costurada, imaginada, sonhada, desenhada, vivida nos últimos cinco anos. O lançamento marca o final de uma trajetória iniciada logo após a edição de seu primeiro trabalho, Conjugação de pingos de chuva, de 2007.

Mineira de Belo Horizonte, Carla já pode se dizer uma mineiro-brasiliense, pois há mais de uma década vive no Planalto Central, sempre atuando na área de formação, Jornalismo, e se alimentando diariamente de palavras poéticas. Ler seus versos é mergulhar em um mundo paralelo de imagens, cores, sabores, aromas, lembranças, sonhos, desesperanças, saudades, fantasia, amores, erotismo e por aí pelo infinito. É submergir em um verdadeiro artesanato de perguntas. Afinal, para que respostas?

“Sentirás que aos poucos a poesia de Carla Andrade vai penetrando nos teus olhos e te lendo”, escreve o poeta Nicolas Behr na orelha do livro. No “Prefácio”, o também poeta Alberto Bresciani não fala mais que a verdade ao considerar que os “Novos poemas de Carla Andrade recusam a monotonia e a estagnação,[afinal]Carla tem o ‘andar curioso/ de quem não se acostuma mais a olhar sem ver’ (do poema Vietnã)”. 

E seu olhar vai longe dentro de si, do outro, do espaço ao redor, passa pelo Vietnã, Argentina, Itália, Tailândia... e volta para seu próprio interior. Inquieta, se não pode viajar pelo tempo e pelo espaço, Carla viaja nos vocábulos, nos sentimentos, nos detalhes ocultos àqueles que não querem ver. Questiona o cotidiano da solidão entre pessoas, abre as vísceras de uma contemporaneidade em que a imaginação, o diálogo, a contemplação, a simplicidade vêm sendo tragadas pelo abismo de uma sociedade cada vez mais desintegrada, apartada da essência humana.

Para completar sua poesia de sentir, de comer, de degustar, de nos ler, ilustrações da artista gráfica Marina Soares, materializando imagens em traços delicados, tão poéticos quanto as linhas melódicas (ou não) de Carla Andrade, que não escreve para ser compreendida, mas para fazer viajar – mesmo que se esteja quieto em um apartamento qualquer das Asas, ou em qualquer das cidades do Distrito Federal, de Minas, do Brasil, do mundo ou em nós.

Artesanato de Perguntas recebeu recursos do Fundo da Arte e da Cultura (FAC), da Secretaria de Estado da Cultura do Distrito Federal.

 

O quê?

Lançamento dos livros da coleção Poesia Crônica: Poesia, Conto e Crônica e  Lançamento do livro Artesanato de perguntas

Quando?

Dia 29 de maio

A que horas?

A partir das 20h

Onde?

 

Galeria Olho de Águia

CCNF 1, Edifício Praiamar, Loja 12

Taguatinga Norte

 

Contatos:

Anabe Lopes (coordenadora do projeto): 9982-7161/8210-7998

Carla Andrade (assessoria de imprensa): 96343966

 

Link:
0 Comentários | Escrever comentário

 

Rua Augusta - Emicida


Joe Satriani - Always with me, always with you


Jeff Beck - A Day in A Life


 

 

 

Thalyta Ribeiro de Oliveira Incrível seus projetos, tanto de fotografia, quanto com a galeria e as produções audiovisuais. Apenas continue!!
Contador de Visitas
Hoje: 965
Desde 15/05/2011: 5.885.325
você é a favor do impeachment de Bolsonaro? Vote.
n
sim