SiteJornalOlhodeAguia
Not?cias
10/01/2013 20:02
Another Blues Band traz blues inflamado ao Feiti?o Mineiro nesta sexta - Foto Cristiano Sergio.

 Formado por Haroldo Mattos (guitarra), Gustavo Vasconcellos (bateria), Pedro Martins (baixo) e Mário Salimon (voz), o Another é um grupo que prova o valor da música ao vivo, quente, improvisada e embasada na oportunidade que se apresenta sempre que gente animada se senta em uma mesa ou se vê em um teatro com um som pesado e iluminação capazes de valorizar a ação que rola no palco.

História – O Another surge em 1991 para aproveitar uma brecha deixada pelo Oficina Blues, do qual os quatro haviam feito parte e que tinha a agenda cheia naquele momento. Ofereceram uma temporada em um bar chamado Trem do Lago ao baterista Gustavo, que perguntou aos demais se queriam aproveitar a chance.

“Parecia fácil e apelamos para aquelas cartas marcadas que muito curtíamos do Hendrix, dos Stones e de outras figuras conhecidas do público. Era uma receita sem muita possibilidade de erro, como um pão com ovo frito ou tomate com sal e azeite. Coisa fácil mas muito boa”, lembra Salimon.

Existe uma disputa sobre quem se saiu com a proposta do nome mas a idéia subjacente é de que, se o bar não podia ter a banda de blues que queria, que se contentasse com outra (another).

Os primeiros shows foram experimentais e o público muito escasso. A banda curtia o momento e a performance de cada músico, sempre criando climas misteriosos, valorizando a dinâmica e a sonoridade dos instrumentos.

O reconhecimento - Em 1994 a banda já possuía um público próprio e lotava casas noturnas da cidade em apresentações bastante frequentes. Ganhou terreno e partiu para teatros e espaços públicos como praças, salas de cinema em cidades satélites e circos.

A prova de maturidade veio em 1997, quando o Another abriu para Celso Blues Boy no Teatro dos Bancários, recebendo ovação de dez minutos de uma platéia que se recusava a sentar de volta.

Gustavo lembra-se, claramente, de pelo menos uma dezena de ocasiões em que o público chegou a uivar com os climas criados por esse quarteto que hoje avança rumo a duas décadas de atividade. “Foi marcante uma apresentação que fizemos, de uma só música, em um show da série Guitarras do Cerrado, quando mais de mil pessoas em uma Sala Villa Lobos lotada aplaudiram o Another do começo ao fim”, rememora.

A banda foi ganhando expressão e seus membros sempre foram músicos requisitados no mercado brasiliense, tendo, juntos ou em formações diferentes, subido no mesmo palco que Blues Etílicos, Leny Andrade, B.B. King.

Em 2002, a banda decidiu renovar seu repertório, incluindo algumas baladas soul bastante impactantes e que figuram dentre as preferidas do público. Foi nessa virada que a banda ganhou novo fôlego e passou a incluir um teclado em seus shows. Na gravação do disco ao vivo, entretanto, a banda optará por manter a sonoridade histórica, centrada na formação original mais conhecida do público brasiliense.

Nessa década e meia, a banda passou por mudanças temporárias em sua formação, voltando sempre ao quarteto afiado e direto ao assunto que o público tanto aprecia. E é esse time que subirá ao palco em novembro para colocar, ainda que com tamanho atraso, o Another Blues Band na história fonográfica brasiliense.

No final de 2007, a banda registrou três noites de áudio no Rayuella Bistrô, a sendo o melhor das performances compilado em um CD, lançado em 2009 pela GRV Discos.

A banda comemorou seus 20 anos de idade em 2011.

Serviço
Feitiço Mineiro, 306 norte
22h00
Couvert 15R$

Link:
0 Comentários | Escrever comentário

 

Motörhead "Heroes" (David Bowie Cover)

Motörhead to release Under Cöver in September 2017 Covers compilation to include new version of David Bowie’s “Heroes”, (above)
Bruce Springsteen, U2, Patti Smith - Because The Night RNR HOF 2009


Renato Teixeira - Tocando em Frente


 

 

 

GERALDO Magela parabens amigo Ivaldo pela sua luta e honestidade e carater valeu amigo
Contador de Visitas
Hoje: 274
Desde 15/05/2011: 5.450.047
Voc? e a favor que o Jardim Bot?nico de Bras?lia - JBB. cobre da popula??o pra tirar foto?
n
sim